top of page

Governo de Minas Gerais investe em tecnologia para fiscalizar concessões rodoviárias.

O Governo de Minas Gerais desenvolveu um aplicativo que permitirá o monitoramento em tempo real das condições de cada trecho concedido.



Fiscalizações à mão

Resumo:

  • Aplicativo Rodovias MG monitora condições das rodovias concedidas.

  • Usuários podem consultar informações, avaliar e denunciar problemas.

  • Seinfra recebe as informações e fiscaliza as concessionárias.

  • Governo de Minas Gerais amplia programa de concessões rodoviárias.

  • Concessões trazem benefícios para a infraestrutura, segurança e desenvolvimento.

O aplicativo desenvolvido pelo governo mineiro, batizado como Rodovias MG, foi lançado em maio de 2023 pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e está disponível gratuitamente para os usuários de smartphones com sistema Android ou iOS. Por meio dele, é possível consultar informações sobre as rodovias, como tarifas de pedágio, obras em andamento, serviços de emergência, pontos de interesse e condições de tráfego.


A aplicação permite que os usuários avaliem a qualidade das rodovias e enviem fotos e vídeos para denunciar problemas como buracos, sinalização deficiente, acidentes ou irregularidades nas praças de pedágio. Essas informações são encaminhadas diretamente para a Seinfra, que pode fiscalizar e cobrar providências das concessionárias responsáveis.

Segundo o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcatoa, a ferramenta é importante para garantir o cumprimento dos contratos de concessão e a melhoria contínua das rodovias. "O aplicativo é uma forma de aproximar o cidadão da gestão das rodovias e de dar mais transparência e eficiência ao processo de regulação. Com ele, podemos acompanhar em tempo real as demandas dos usuários e exigir que as concessionárias cumpram suas obrigações", afirmou.


O governo estadual tem investido na modernização e na ampliação do programa de concessões rodoviárias, que prevê a transferência da administração, operação, manutenção, conservação, melhorias e ampliação da capacidade de trechos rodoviários para a iniciativa privada que atualmente, contando com quatro lotes concedidos: MG-050 (entre Juatuba e São Sebastião do Paraíso), Triângulo Mineiro (entre Uberlândia e Frutal), Sul de Minas (entre Pouso Alegre e Itajubá) e Varginha-Furnas (entre Varginha e Carmo do Rio Claro).


Os contratos têm duração de 30 anos e preveem investimentos bilionários em obras e serviços nas rodovias. Entre os benefícios esperados estão a redução dos custos operacionais dos veículos, a diminuição dos acidentes e das mortes no trânsito, o aumento da segurança e do conforto dos usuários, a geração de empregos e o desenvolvimento econômico e social das regiões atendidas.




 

Ligações Externas:

Comments


bottom of page