top of page

FGV Transportes lança pesquisa sobre logística do e-commerce.

Atualizado: 12 de jul. de 2023

Estudo usará inteligência artificial para avaliar qualidade da entrega online.

Resultados apoiam políticas públicas de defesa do consumidor e de comércio

Leitura rápida:

  • Pesquisa é realizada pela FGV Transportes em parceria com a Ebit/Nielsen

  • Objetivo é criar um índice de qualidade da logística do e-commerce no Brasil

  • Modelo matemático usará dados de consumidores, empresas e governo

  • Estudo também auxiliará decisões governamentais sobre movimentação de carga nas cidades

  • Pesquisa será divulgada trimestralmente a partir de 2024

  • Interessados podem participar da pesquisa pelo site da FGV Transportes

  • Abaixo você encontra o link para inscrições

A FGV Transportes, centro de estudos da Fundação Getúlio Vargas, em parceria com a Ebit/Nielsen, empresa especializada em dados de comércio eletrônico, lançou pesquisa inédita sobre o índice de qualidade da logística do e-commerce no Brasil. O estudo usará um modelo matemático baseado em inteligência artificial para avaliar o desempenho das empresas e dos serviços de entrega online, a partir de dados fornecidos por consumidores, empresas e governo.


O objetivo da pesquisa é criar um indicador confiável e transparente que possa apoiar as políticas públicas de defesa do consumidor e de comércio, bem como as decisões governamentais sobre a movimentação de carga nas cidades. O índice também servirá como uma ferramenta para as empresas melhorarem seus processos logísticos e aumentarem a satisfação dos clientes.


O estudo será realizado por meio de um questionário online, que pode ser acessado pelo site da FGV Transportes. O questionário é voltado para consumidores que realizaram compras online nos últimos 12 meses, e aborda aspectos como prazo, custo, rastreamento, embalagem, danos, extravios e devoluções. A participação é voluntária e anônima, e os dados serão tratados com sigilo e confidencialidade.


Os resultados serão divulgados trimestralmente a partir de 2024, juntamente com análises e recomendações. A expectativa é que o índice se torne uma referência para o mercado, para o governo e para a sociedade sobre a qualidade da logística do e-commerce no BrasilPara responder a pesquisa, clique no link. .




 

Ligações externas:




Comments


bottom of page