top of page

Bicicleta elétrica da Toyota com a Douze Cycles promete levar cargas de até 100 kg

Com mercado de bikes aquecido, o produto pode ser opção para entregas ao consumidor final, de mercadorias com pouco peso.


Textos - base originais de Tudocelular,


Lateral da nova bicicleta elétrica da Toyota e Douze / Divulgação: Toyota Mobility

A japonesa Toyota e a francesa Douze Cycles estão se unindo para lançar neste ano um bicicleta elétrica de carga, voltado tanto para soluções para empresas, como para uso pessoal. Isso porque itens volumosos de até 100 quilos podem ser transportados em sua plataforma de carregamento de 85 centímetros de comprimento, à frente do passageiro. Para aumentar ainda mais a capacidade de transporte, o quadro é compatível com engates.


Ainda será possível remover o compartimento de carga para alocar até três crianças ou mais um adulto como passageiros, desde que equipado com assentos e cintos de segurança. Essa nova solução vem na esteira dos esforços em todo o mundo —aqui, especialmente da França— de promover veículos alternativos a carros para viagens dentro e fora das cidades.


No design, a bicicleta Douze Cycles x Toyota Mobility se distingue das longtails que a Douze Cycles já está vendendo com sua robusta estrutura de alumínio.


O veículo é alimentado por um motor elétrico Yamaha com potência nominal de 250 W. Uma bateria de 500 Wh fornece energia ao motor e é removível para carregamento. Quanto ao alcance, o usuário pode esperar cerca de 100 km com uma única carga, mas esse número pode variar a depender do peso da carga. Para facilitar o armazenamento, a frente da bicicleta pode ser destacada.


No momento, a Toyota e a Douze Cycles ainda não anunciaram os preços da nova bicicleta elétrica, que deve chegar ao mercado em setembro de 2023.


Mercado das elétricas - A Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo) divulgou um estudo recente sobre a produção de bicicletas no Brasil, e os resultados mostraram um aumento significativo no volume de produção de bicicletas elétricas. De acordo com o levantamento, foram produzidas 10.847 unidades no ano passado, um aumento de 5,4% em comparação com 2021.


As bicicletas elétricas se destacam por oferecer vantagens como um desempenho mais leve e um motor que pode servir para impulsionar as pedaladas ou ajudar o veículo a se mover. Além disso, a modalidade tem ganhado cada vez mais popularidade no Brasil, com empresas passando a utilizar bikes para entregas.


Comentários


bottom of page